TEMPLO DE OXOSSI, UMA HISTORIA DE LUZ

Pelo Medium Marcos Oliveira

Neste momento em que participamos desta celebração, que estabelece o marco de 46(quarenta e seis) anos de fundação do TEMPLO DE OXOSSI, dentro do movimento umbandista, e das nossa vidas, devemos olhar para o nosso entorno, para que possamos perceber, como o plano espiritual é sábio e generoso, como aprendemos e vivemos esta retórica da vida, que é a nossa religião, ou seja à Umbanda.

Dentro dos diversos conceitos que me foram transmitidos, seja pelo plano espiritual, ou ainda pelo auxilio de pessoas que direcionadas pelo Astral, realizaram enormes e relevantes trabalhos de auxilio ao fortalecimento da minha caminhada espiritual; entre as quais posso citar meu Pai e Comandante Pedro Paulo, que por intervenção dos Guias daquele Terreiro, da nossa Casa, o caboclo das Sete Estrelas e o Preto Velho Pai José, ensinaram-me muitos dos valores espirituais e morais, que com certeza, hoje contribuem para a minha caminhada, para o meu fortalecimento como pessoa e Comandante de Terreiro.

Mas estamos em festa, e o Templo de Oxossi, que foi plantado pela espiritualidade, em especial pelo nosso Mentor Oxossi Rompe Mato, que através do caboclo da Pedra Branca, Pai Thomaz e Exú Sete encruzilhadas, entre muitos, sustentou através de seu aparelho Renato Jose Ferreira, in memória, um grande trabalho voltada para a caridade e para a Umbanda, dentro desta Casa, sendo ele inclusive, um grande articulador, que com, os demais baluartes da nossa religião ajudarão a escrever uma parte da historia umbandista.

Mas estamos em festa, e o Templo de Oxossi, homenageia a todos os médiuns, assistentes e colaboradores que firmaram sua fé e a sua convicção no Comando desta Casa, e que hoje procura dentro das suas limitações propiciar conforto espiritual e acima de tudo o respeito à individualidade de cada irmão, ou seja, nosso livre arbítrio! A nossa fé e confiança. Que Oxalá nos abençoe!

Mas estamos em festa, e o Templo de Oxossi, homenageia a todas as Casas Co-irmãs, Instituições e personalidades, que presentes neste dia, confirmam que a Umbanda, pode e deve caminhar na direção única, pela União e fraternidade. Respeitando os diversos segmentos, da cultura religiosa, com seus ritos e fundamentos preservados.

Mas estamos em festa, e o Templo de Oxossi, homenageia a toda esta Cúpula Espiritual, e a todos os meus guias, protetores e trabalhadores que permitem e sustentam o equilíbrio e a harmonia dos nossos trabalhos, das nossas Giras.

Salve a Umbanda!
Salve Oxalá !
Saravá Ogum !! Salve iemanjá!
Salve Oxossi Rompe Mato!
Salve o caboclo Rompe Mato!
Saravá Iofá, Saravá Pai Congo de Aruanda